ABC - Política -

Desfalque: Cleide Bochixio deixa Educação do governo Paulo Serra, em Santo André

A professora Cleide Bochixio não integra mais o governo Paulo Serra (PSDB). Secretária-adjunta de Educação de Santo André, ela deixou a pasta para reassumir o mesmo cargo no governo do Estado.

O nome de Cleide era tido como referência na Secretaria, comandada por Dinah Zekcer, devido a seu currículo e capacidade de articulação na área educacional. Porém, a decisão pessoal de encarar um novo desafio na carreira – a convite do secretário estadual de Educação, José Renato Nalini – prevaleceu. A exoneração foi publicada oficialmente nesta quarta (13).

Cleide foi secretária de Educação de Santo André, na gestão Aidan Ravin (2009-2012), e chegou a assumir, em 2013, como secretária-adjunta de Educação do Estado (no final de 2015, assumiu como interina, por um período), cargo que retoma agora. A educadora é filiada ao PSDB. O prefeito ainda analisa nomes para anunciar a substituição.

(Atualização):

Após a divulgação desta matéria, a Prefeitura de Santo André emitiu uma nota sobre a exoneração de Cleide Bochixio. Confira a íntegra:

A Prefeitura de Santo André informa que o governador Geraldo Alckmin, após conversa com o prefeito Paulo Serra, convidou a prof.ª Cleide Bochixio para ser a nova secretária-adjunta de Educação do Estado. Educadora e gestora de excelente qualidade, Bochixio aceitou o convite e pediu nesta terça-feira (12) exoneração do cargo de secretária-adjunta de Educação de Santo André, função que exercia desde 1º de janeiro. O prefeito Paulo Serra e a secretária Dinah Zekcer agradecem a professora Cleide Bochixio pelo seu empenho e dedicação no período em que integrou a administração municipal e desejam sucesso nesta nova missão. A Prefeitura definirá nos próximos dias quem exercerá a função de adjunto (a) da pasta.”

Leia também:

São Caetano: Auricchio promove nova mudança em seu secretariado

Compartilhar: