Grande SP - Sociedade -

SP registra primeira morte pelo novo coronavírus no Brasil

Vítima é um homem de 62 anos, morador da Capital, com histórico de diabetes, hipertensão e hiperplasia prostática e que evoluiu para COVID-19

Autoridades de saúde do estado de São Paulo se reuniram nesta terça (17) para passar informações detalhadas a respeito do primeiro caso de morte de pessoa infectada pelo novo coronavírus no Brasil. A vítima é um homem de 62 anos, morador da Capital, e desenvolveu Sars-Cov-2 – microrganismo que faz parte de uma grande família viral e causa infecções respiratórias em seres humanos (COVID-19).

O paciente estava em um hospital particular – também fez os exames em laboratório privado – e tinha histórico de diabetes, hipertensão e hiperplasia prostática (aumento benigno da próstata). Entre a manifestação dos sintomas (no dia 10), a internação (dia 14) e o falecimento, nesta segunda (16), a evolução do caso foi rápida.

O homem não tinha histórico de viagens ao Exterior e está sendo tratado como caso de transmissão comunitária do vírus. Outros quatro óbitos vêm sendo investigados na rede privada de saúde da cidade de São Paulo.

“Fomos informados oficialmente hoje às 10h sobre este primeiro óbito que, infelizmente, foi aqui. Assim que tivermos informações sobre os demais vamos informá-los”, afirmou o infectologista David Uip, coordenador do Centro de Contingência para o Coronavírus no Estado de São Paulo, que estava acompanhado do secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann, e de outros especialistas.

Coletiva de imprensa sobre a primeira morte por coronavírus no Estado, nesta terça-feira (17), na sede da Secretaria de Saúde de São Paulo

Estoque dos bancos de sangue

Ao informar sobre a primeira morte de paciente com o coronavírus, o governo do Estado fez um alerta sobre os estoques dos bancos de sangue, que estão praticamente vazios, e pediu para que as pessoas não deixem de doar neste momento. Pelo menos 154 pacientes infectados pelo vírus da COVID-19 estão na Capital – onde foi decretado estado de emergência – e os demais em oito municípios da Grande São Paulo, totalizando 162 até esta terça-feira.

(Com informações do G1)

Leia também:

Santo André tem primeiro caso confirmado do novo coronavírus

COMPARTILHAR: