ABC - Economia - Grande SP -

MercadoCar abre as portas nesta quinta-feira em Santo André

A primeira unidade da rede MercadoCar no ABC abre as portas para o público, nesta quinta-feira (1º), em Santo André. Antes disso, nesta terça (30), será realizado um coquetel que deve reunir fornecedores e autoridades.

A sétima loja da rede, que já possui seis endereços na Capital e Guarulhos, é resultado de um investimento de R$ 60 milhões, o dobro do previsto inicialmente, e ocupará uma área de 10 mil m² na avenida Ramiro Colleoni – onde antes funcionava a Itavema Veículos, da Fiat. Com capacidade para 500 veículos no estacionamento e geração de 270 vagas diretas de emprego, o empreendimento será o maior da rede paulistana.

Segundo Kemer Assis, gerente de E-commerce e Atendimento ao Cliente da MercadoCar, o atraso na inauguração, prevista para o começo do ano, se deu em razão das adaptações necessárias na parte estrutural do prédio e que estavam fora do projeto inicial. Devido a essas alterações, o investimento ultrapassou as estimativas iniciais.

“Quando falávamos em R$ 30 milhões nos referíamos à compra do terreno e ao início das obras. Alguns pontos, porém, precisaram ser construídos ou reconstruídos”, afirma o gerente da rede, que tem lojas nos bairros do Tucuruvi, Santo Amaro, Aricanduva e duas na Barra Funda (uma 24 horas e outra de peças para linha pesada – caminhões, ônibus e vans), além de Guarulhos.

A MercadoCar é hoje a maior da América Latina no segmento e está focada no auto-serviço e atendimento personalizado. “O vendedor é um consultor, capaz de indicar a marca de óleo mais adequada, as características corretas de um produto. Além de adquirir peças, o cliente tem à disposição ferramentas e produtos para limpeza do carro, por exemplo. Um verdadeiro shopping”, detalha.

Morador de São Bernardo e há 11 anos na empresa, Assis acredita que a região tem potencial para mais de uma loja, mas isso vai depender do desempenho da nova unidade. “Será uma forma de os proprietários conhecerem o ABC. Mas tenho certeza que eles vão se surpreender com os resultados”, aposta.

Empregos

No final de julho, em processo de seleção para trocador de óleo, instalador de acessórios automotivos, borracheiro, vendedor de peças mecânicas, vigia e garagista, a fila de candidatos a uma vaga de emprego na MercadoCar andreense contornava o quarteirão. A prioridade foi dada a moradores da região.

Processo de seleção atraiu tantos candidatos que filas contornavam o quarteirão da loja

“Inicialmente, teremos 270 empregos diretos, sem contar os serviços terceirizados, como chaveiro, insulfilme e lanchonete, que vão gerar postos de trabalho indiretos”, diz Assis. “A MercadoCar vai hoje na contramão do quadro de desemprego que se vê no Brasil e já emprega 2,7 mil colaboradores, inclusive menores aprendizes, dando condições para que as pessoas evoluam e se tornem gerentes”, completa.

Consumidor final

Sobre a concorrência, o executivo entende que autopeças tradicionais do ABC terão a chance de se reinventar. “Não viemos para desestabilizar o mercado, nem concorremos com o mecânico, na verdade nosso parceiro. Levaremos as pessoas a comprarem em Santo André e a consertarem seus carros na própria cidade, mantendo a receita aqui, o que é positivo”, diz.

No entanto, Assis defende que o conceito da MercadoCar é mais prático e seguro, inclusive na relação custo/benefício. “Quem experimenta dificilmente volta para o modelo tradicional. Autopeças tradicionais focam muito no mecânico. Nós focamos no consumidor final. Quem se especializar vai sobreviver. No final, quem ganha é o cliente”, afirma.

A loja de Santo André vai funcionar em horário estendido: de segunda a sexta, das 08h às 22h; aos sábados, das 08h às 20h; e aos domingos, das 09h às 16h.

Expansão

O grupo adquiriu recentemente um terreno na avenida dos Autonomistas, em Osasco, onde irá erguer sua 8ª unidade – com previsão de superar a do ABC em tamanho. Ainda não há prazo para o início das obras.

(Fotos: Helber Aggio/PSA e Pedro Diogo/Repórter Diário)

Leia também:

Santo André terá primeiro Quarteirão da Segurança no início de 2019

Compartilhar: