ABC - Economia -

Feira da Beleza de Diadema terá mais de 40 marcas de cosméticos em exposição

A Feira da Beleza chega à quarta edição em Diadema e será realizada neste final de semana (dias 20, 21 e 22), das 10h às 20h, no Shopping Praça da Moça.  Mais de 40 marcas de cosméticos estarão expostas numa área de 1.360 m², evidenciando a força do setor na cidade.

A expectativa da ACE (Associação Comercial e Empresarial), organizadora do evento, é de que 15 mil pessoas passem pelo local nos três dias. Além da oportunidade de lançamento de novos produtos, a feira – que tem apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho – se constitui como ação para fomento de negócios e geração de trabalho e renda.

“O setor do cosmético tem crescido continuamente ao longo dos anos. A Feira da Beleza atrai grandes nomes da indústria e dos serviços a ela associados, além de atualizar técnicas para os profissionais da cosmetologia na região” afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Laércio Soares.

Única na região do Grande ABC, a Feira da Beleza reúne profissionais não só das áreas de estética e beleza, mas também de saúde. Durante o evento serão realizados workshops e palestras, com a apresentação de novas linhas de produtos para cabelo e corpo, além de sorteios e atividades de entretenimento com os visitantes.

“Mesmo com a crise que afeta o País, a queda de empregos no setor não foi das mais altas, o que leva a crer que a área da perfumaria e da cosmética reaja mais rapidamente que os outros setores da indústria”, aposta Láercio.

Expositores

A 4ª Feira da Beleza contará com a presença de 10 empresas da região (pela primeira vez a Davene, instalada em Diadema), de outras cidades e até do exterior. É o caso da italiana Alfaparf Milano, presente em mais de 80 países (e que já esteve na edição passada).

“Nossos fornecedores são em maioria do ABCD, principalmente de Diadema. Esse é o momento que esses parceiros podem constatar o resultado do trabalho deles junto ao consumidor final. Daí sua importância para a região” afirma o diretor da FELPS Profissional, Teodoro Campos, também pelo segundo ano consecutivo no evento.

A cadeia produtiva da cosmética é a quarta maior geradora de receita para Diadema, com 60 empresas

A cadeia produtiva da cosmética é a quarta maior geradora de receita para Diadema, com 60 empresas

O setor químico, no qual estão inseridas as empresas de cosméticos, é o quarto maior gerador de receita para Diadema, ficando atrás apenas das indústrias de alimentos e bebidas (3º lugar), plásticos e borracha (2º) e metalmecânica (1º lugar). O município é a 16ª economia do Estado e tem um parque industrial multifacetado. São 380 fábricas, sendo 60 delas da cadeia produtiva do cosmético – uma estrutura empresarial que também aquece o mercado de salões de beleza, muito expressivo e atuante na cidade.

“É um projeto que traz visibilidade para Diadema, movimenta o setor da beleza e gera mais economia para a cidade”, diz Vera Lucia Rocha presidente da ACE. “Trata-se de um momento especial de negócio para o município”, completa.

Leia também:

“Fórum da Cidade” discute mudanças no Plano Diretor e vocação de Diadema

 

 

 

Compartilhar: